Aguarde, carregando...

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EMPRESAS DE RECICLAGEM DE PNEUS INSERVÍVEIS

Demanda por veículos elétricos puxa produção local de pneus
Audio Wave

Demanda por veículos elétricos puxa produção local de pneus

Componentes específicos para modelos de tração elétrica já entraram no radar das fabricantes instaladas no país

Automotive Now - Bruno de Oliveira - 02/07/2024 - 09:11


O aumento da participação de veículos elétricos no mercado brasileiro tem puxado a produção de componentes no país específicos para atender esses modelos. Assim como já acontece com baterias para modelos comerciais, também há demanda interna por pneus que já justificam a produção local do componente.

A Scania, por exemplo, está em busca de fornecedores de pneus para seus ônibus elétricos. Segundo Marcelo Gallao, diretor de desenvolvimento de negócios da fabricante sueca, há movimento na cadeia nesse sentido.

"Em algum momento nós teremos de ir atrás de um fornecedor local para pneus. Já sabemos que algumas empresas estão ou pretendem localizar a produção do componente", disse.

Para as montadoras que já produzem localmente veículos elétricos, é importante que haja essa oferta em território nacional. Não apenas por questões de preço na comparação com um similar importado, exposto às flutuações do dólar, mas também por razões técnicas.

Gallao explica que a tração gerada por motores elétricos impõe um desgaste maior nos pneus, de forma que um componente convencional teria seu tempo de vida útil reduzido. Por isso a necessidade de se equipar esses veículos com os pneus construídos especificamente para atender as demandas do segmento, principalmente as da reposição.

A reportagem procurou a Anip, que é a associação das fabricantes locais de pneus, para comentar o assunto. A associação, no entanto, sugeriu que as fabricante fossem ouvidas individualmente a respeito do tema.

Pneus para elétricos já são realidade na Bahia
A Bridgestone informou à Automotive Business que está terminando a preparação da fábrica de Camaçari (BA) para produzir localmente pneus para veículos híbridos e elétricos.

Outra empresa ouvida pela reportagem foi a Continental, que também mantém produção no município baiano. Ali, segundo a fabricante, já são produzidos modelos de pneus aptos a rodar em veículos elétricos.

A reportagem também procurou a Goodyear e a Prometeon, dona da Pirelli, mas até o fechamento deste conteúdo as empresas não haviam dado retorno.

Elétricos podem aumentar demanda de pneus
Com mais veículos híbridos e elétricos na frota circulante, as fabricantes locais de pneus podem ter um cenário de vendas melhor - no ano passado, houve queda de 8% nos volumes no mercado interno.

Segundo dados da Anfavea, a associação que representa as montadoras de veículos que mantêm produção no país, 2023 terminou com 19,3 mil modelos leves elétricos vendidos. Os híbridos chegaram a 42,5 mil.

Neste ano, as vendas acumuladas de modelos elétricos até maio superaram o consolidado do segmento no ano passado, com 26 mil unidades. Os híbridos, no mesmo período, somam 21,2 mil unidades.

No caso dos pesados, as vendas de elétricos encerraram o ano passado com 465 unidades vendidas. Até maio deste ano, as vendas chegaram a 318 unidades.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Nossas Redes Sociais